Scrum e Escaletas

Metodologias usadas para enfim terminar um livro!


Escrever é um processo, que demanda tempo, determinação e autodisciplina do(a) autor(a). Para isso, é necessário uma metodologia. Cada autor(a) tem o seu e eu depois de algumas tentativas frustradas em terminar um livro, uni o Scrum com a ajuda do meu marido e a utilização das Escaletas, que muito se fala no meio da escrita.

Mas vamos por parte, o que é o Scrum? Scrum é uma estrutura simples de trabalho que faz parte das metodologia ágil, criado por Jeff Sutherland. Scrum é muito utilizado no mundo tecnológico, mas pouco conhecido em outros meios. Mas isso não impede que seja utilizada em outras áreas, especialmente em projetos criativos.


O Scrum estabelece uma série de técnicas e práticas cujos objetivos são "empurrar" você na direção de sua meta, seja ela um programa de computador ou escrever um livro. A ideia é dividir em diversos e pequenos ciclos de atividades, com reuniões frequentes para que seja alinhado o que está sendo feito e pensar em formas de melhorar o processo. O foco é sempre na entrega de coisas que tenham valor e cumprimento de metas, envolvendo o cliente em cada etapa, para garantir uma maior satisfação e evitando retrabalho.

Ao utilizar esta metodologia, achei o livro “Scrum Para Escritores” de Alexandre Heredia, que usando sua experiência de mais de 15 anos tanto como Scrum Master certificado quanto como escritor, Alexandre Heredia adaptou essa metodologia para o campo da criação literária. Em seu livro o autor aborda(tópicos tirados da pag da Amazon):

· O que é Scrum e como ele pode ajudá-lo(a) a escrever seu livro;

· Como planejar e organizar a sua produção, impedindo bloqueios e atrasos desnecessários;

· Técnicas e práticas que irão auxiliá-lo(a) na criação de seu livro, mas sem abrir mão do prazer e da satisfação, essenciais para qualquer produção artística;

· Terminar sua história de maneira coerente e, sobretudo, publicável, reduzindo drasticamente o número de reescritas e revisões;

· Como preparar seu original para ser apresentado para editoras de forma profissional, aumentando suas chances de publicação.


No livro o autor estabelece algumas estruturas, algumas pessoas que podem ajudar o autor na conclusão de seu livro, porém, como o próprio autor fala, o livro é adaptável, não é um regra, por isso precisei fazer a minha adaptação. Eu não tenho uma equipe me auxiliando, tenho apenas o meu marido que me ajudou, principalmente com essa estrutura do Scrum.

E como foi que eu fiz:

· Planejamento (Documento de Visão)

o Definir que tipo de produto a ser desenvolvido (uma coletânea, um romance, um conto)

- Definir o Tema de forma genérica(Traição, Fantasmas)

- Público-alvo(pode ser simplista, por faixa etária ou de forma específica)

- Tamanho(número de pag, limite de caracteres,...)

- Prazo(deve ser estabelecido e CUMPRIDO)

· Perguntas (Documento de Planejamento)

o Que mensagem você quer passar?

o Qual o tom do livro?

o O que acontece no livro? (escrever uma pequena sinopse de um parágrafo)

o Quem é o protagonista?

- A história trata de qual personagem?

- O que o personagem contribuirá para o desenvolvimento da trama?

- Qual será a sua mudança?

- Faixa etária, etnia...

- Motivações, temperamento...

o Primeira ou terceira pessoa?

o Qual o fim da história? (sem muitos detalhes)

o Qual o início da história?

o Qual o título?(oficial ou provisório)

· Planejamento dos Sprints (Documento de Planejamento)

o Quanto tempo levará para terminar o livro?

o Como dividirá o livro?

o Qual a data de início da escrita?

o Sobre o que irá escrever?

Mas o que é um Sprint?

Sprint é um período de tempo, normalmente de 2 semanas, onde as tarefas serão divididas. A tarefa final(um livro, um conto...)será dividida em diversos sprints menores.

Sua duração será estipulada pela “equipe”(O Escritor). Serve para dividir a tarefa total em tarefas menores e mais gerenciáveis.

Exemplo: romance de 200 páginas; média de 5 páginas por capítulo, então temos 40 capítulos; Digamos também que temos que terminar o livro em 3 meses. Com isso, serão 6 sprints de 2 semanas e teremos que fazer aproximadamente 7 capítulos por sprint.

Nesse momento também estabelecemos quanto eu conseguiria escrever por semana. Outro item que definimos foi o que seria feito em cada sprint. Nos primeiros, criei os personagens, resumos da trama, cronologia, definição das fábulas. Em seguida, comecei a elaboração das escaletas. Começando com a escaleta de beat de capítulo e escaleta dos capítulos. Enfim, depois de tudo isso, começaram os sprints de criação, estabelecendo quantos capítulos por sprint.


A cada Sprint não era só eu que tinha tarefas a serem realizadas. Meu marido também tinha suas obrigações, ele era o responsável pela revisão e feedbacks. E a cada final de Sprint fazíamos uma retrospectiva do que foi feito, o que poderia melhorar e o planejamento para a próxima semana, além de fazer uma nova revisão dos capítulos já feitos.


Dessa forma, em três meses consegui terminar o meu livro. Depois veio a parte de revisão final e alguns pequenos ajustes. Tudo seguindo as mesmas estruturas. No final de tudo, depois que entreguei o livro para o concurso literário, fizemos uma retrospectiva. Revemos tudo o que foi feito e verificamos tudo o que poderia melhor para o próximo livro.

Mas o que é uma Escaleta?

Escaleta é o esqueleto de todo o projeto. É uma estrutura onde existem todas as cenas, situações, atos e ações dos personagens.

Segundo Gabriel Garcia Márquez uma vez definida a escaleta, a história tem o número de capítulos que a gente quiser, com início, meio e fim.


Existem algumas ferramentas free que podem ajudar tanto com o Scrum como com as Escaletas:

  • Srum

https://kanbanflow.com/

  • Escaletas

https://miro.com/



.


0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

KHARON